Rádio

16/07/2019

Governo do Estado entrega casas e autoriza regularização de lotes na região Oeste



O Governo do Paraná entregou nesta segunda-feira as chaves da casa própria para 100 famílias de Marechal Cândido Rondon, no Oeste. O investimento, de 7 milhões e 500 mil reais, foi feito em parceria com o Governo Federal, via Caixa Econômica Federal, e a prefeitura do município. Na mesma solenidade foi dada a ordem de serviço para a regularização de 780 lotes urbanos em Marechal Cândido Rondon, Lindoeste, Mercedes, Ramilândia, Santa Helena e Três Barras. O projeto faz parte do programa Morar Legal Paraná, da Cohapar. Ademir Bier, diretor de obras da Cohapar, foi quem entregou os documentos para as famílias. Ele ressaltou que a ação atende a um pedido antigo da região.// SONORA ADEMIR BIER.// Os recursos para a construção das casas foram viabilizados por meio do programa Minha Casa Minha Vida, utilizados para subsidiar até 90% do valor dos imóveis. Com os aportes, as famílias selecionadas pelo projeto, que têm renda mensal máxima de mil e 800 reais, pagarão prestações que vão de 80 a 270 reais ao mês durante 10 anos de financiamento. A dona de casa Monica Becker Schlosser, de 21 anos, ficou emocionada ao receber as chaves da casa própria. Ela contou que, agora, vai poder economizar o dinheiro que gastava com aluguel, de cerca de 450 reais, sobrando mais recursos para custear o tratamento do filho pequeno, de dois anos, que nasceu com paralisia cerebral.// SONORA MONICA BECKER SCHOLOSSER.// A economia estimada pela dona de casa Patrícia da Silva Better, de 28 anos, é de pelo menos 500 reais com o fim do aluguel. Dinheiro que, além das prestações da casa, vão ajudar na criação dos cinco filhos pequenos.// SONORA PATRÍCIA DA SILVA BETTER.// Os lotes que serão titulados nas seis cidades do Oeste estão em situação irregular. Vão ser investidos 429 mil reais em recursos do tesouro estadual para o pagamento da empresa contratada via licitação para a execução do serviço. No prazo de 18 meses, os técnicos da empresa, supervisionados pela Cohapar, farão todo o trabalho documental para que os moradores de imóveis sem registro tenham o direito de propriedade reconhecido e assegurado. Com a regularização por meio da Cohapar, feita com preços muito abaixo dos praticados pelo mercado, as famílias têm o reconhecimento de propriedade e podem obter financiamentos, comercializar ou transferir o imóvel e investir em melhorias das residências com segurança jurídica. Segundo o diretor de regularização fundiária da Cohapar, Luís Corti, o programa da companhia está alinhado com a gestão estadual no sentido de desburocratizar e facilitar o acesso da população aos serviços públicos.// SONORA LUÍS CORTI.// O prefeito de Marechal Cândido Rondon, Márcio Rauber, exaltou a parceria com o Governo do Estado que permitiu melhorar as condições de vida dos moradores da cidade.// SONORA MÁRCIO RAUBER.// Atualmente, cerca de 35 mil famílias de 74 municípios paranaenses estão sendo beneficiadas com o programa de regularização fundiária. Os investimentos nos projetos chegam a 24 milhões de reais, com perspectiva de ampliação para os próximos anos. Está em processo de licitação pela companhia o atendimento a outras 7 mil e 692, em 21 municípios, totalizando investimento de mais 5 milhões e 400 mil reais.



Repórter: Amanda Laynes

Baixar áudio