Famílias carentes de Teixeira Soares recebem 49 novas moradias do Governo do Estado
21/05/2020 - 17:05

Quarenta e nove famílias de Teixeira Soares receberam nesta quinta-feira (21) as chaves de novas moradias construídas pelo Governo do Paraná na cidade, na região Centro-Sul do estado. Elas integram um grupo de pessoas carentes previamente cadastradas no programa Nossa Gente Paraná, voltado à assistência de famílias em situação de vulnerabilidade social.

O projeto envolveu cerca de R$ 2,5 milhões de investimentos do tesouro estadual por meio de um trabalho integrado entre a Cohapar e a Secretaria de Justiça, Família e Trabalho, que coordena o programa. Os recursos foram utilizados para subsidiar todo o valor dos imóveis, que foram repassados sem qualquer custo aos agora proprietários.

As casas populares possuem modelos com 32 metros quadrados, com unidades de 49 metros quadrados adaptadas para pessoas com deficiência. Todas contam com dois quartos, sala, cozinha, banheiro e área de serviço externa.

AGILIDADE – De acordo com o chefe do escritório regional da Cohapar de Ponta Grossa, Ary Ribeiro Filho, o modelo de contratação dentro do programa Nossa Gente Paraná permite que as obras aconteçam rapidamente.

“O município entrou com toda a parte de infraestrutura urbana e o Governo do Estado com os recursos das casas via Secretaria de Estado da Justiça, Família e Trabalho”, comenta. “É um projeto com prazos e valores pré-definidos, sem alterações ao longo da execução, o que dá agilidade à obra”, conclui Ribeiro Filho.

CUSTOS REDUZIDOS – Para viabilizar as obras, a iniciativa contou ainda com contrapartidas da Prefeitura de Teixeira Soares, que incluíram a doação dos terrenos, obras de terraplanagem e pavimentação. O município ainda aprovou, com a anuência da Câmara de Vereadores, a isenção da cobrança de IPTU durante cinco anos.

Os proprietários também tiveram isenção de cobranças para instalação das ligações das redes de energia elétrica, água e esgoto graças à participação da Copel e Sanepar no projeto.

PRECAUÇÃO – A entrega das chaves foi realizada individualmente para evitar aglomerações seguindo protocolo de saúde e segurança determinados pelo Governo do Estado para evitar riscos de contaminação pela Covid-19. “Tanto os técnicos quanto as famílias beneficiadas utilizaram máscaras e fizeram a higienização com álcool em gel e também houve cuidados na parte final das obras, que foram concluídas durante a pandemia”, informa o chefe do escritório regional da Cohapar.  

FIM DO ALUGUEL – Uma das beneficiárias, a diarista Marieli Ribas, de 32 anos, pretende usar o dinheiro que gastava de aluguel com a família. “Eu trabalho duas vezes por semana pra poder juntar R$ 400 pra poder pagar o aluguel no fim do mês, e a partir de agora é um dinheiro que eu vou poder gastar com os meus cinco filhos”, explica. “Com a nossa renda era muito difícil de pagar, então ter uma casa própria é um sonho nosso que está sendo realizado”, comemora.  

GALERIA DE IMAGENS