Governo ajuda famílias de Ibiporã a conquistar casa própria
12/05/2022 - 12:44

Confira o áudio desta notícia

O governador Carlos Massa Ratinho Junior inaugurou nesta quinta-feira (12) a primeira etapa do Residencial Terra de Santa Cruz, com 144 apartamentos, em Ibiporã, no Norte do Estado. O projeto contou com a participação do Governo do Estado, por meio do programa Casa Fácil Paraná, em parceria com a Caixa Econômica e a construtora LBX. No mesmo evento, anunciou R$ 40 milhões em obras urbanas para a cidade.

A participação estadual na iniciativa de habitação envolveu um investimento de R$ 510 mil. Os recursos foram utilizados para subsidiar parte do valor de entrada do financiamento de 34 famílias que adquiriram imóveis dentro do empreendimento. O repasse foi feito pela Cohapar diretamente à Caixa, que financia os imóveis, com desconto aplicado diretamente aos titulares dos contratos.

“Conseguir realizar o sonho das pessoas mais humildes é muito gratificante. Isso é o que justifica o meu cargo, levar a transformação para a vida das pessoas. Hoje, no Paraná, estamos fazendo 30 mil casas de qualidade, bairros planejados, condomínios com piscina, com churrasqueira na varanda. É uma transformação, não existia isso no Brasil. E estamos fazendo porque conseguimos ter uma equipe muito técnica e o olhar social do Governo do Estado”, declarou o governador.

O prefeito de Ibiporã, José Maria Ferreira, destacou a importância dos investimentos do Estado no município. “A habitação é uma questão bastante sensível. O governador trouxe boas notícias, com recursos permitindo que o município possa se desenvolver na infraestrutura, na educação, na saúde, então estamos completos”, disse.

Os apartamentos possuem plantas com 46 m² com dois quartos, sala, cozinha, banheiro e área de serviço, além de vagas de garagem individuais. O condomínio, dividido em blocos de quatro andares, conta com espaços de lazer e convivência aos moradores.

“O programa Casa Fácil consegue ajudar as famílias de até três salários mínimos com o valor de entrada. Isso será feito para 30 mil famílias no Paraná. Aqui em Ibiporã serão 448 apartamentos. É o maior programa de habitação do Brasil que está dando certo, realizando o sonho das famílias de terem a casa própria”, afirmou o presidente da Cohapar, Jorge Lange.

Os benefícios foram concedidos a famílias que não possuíam casa própria, devidamente inscritas no cadastro da Cohapar. A liberação do subsídio, de R$ 15 mil por família, foi feita após análises técnicas da companhia e do banco. Os compradores ainda receberam descontos do programa Casa Verde e Amarela, do Governo Federal, proporcional à renda familiar.

VIDA NOVA – Para Sueli Lopes, cuidadora de idosos que vai morar no residencial com os três filhos e o esposo, o novo lar é a realização de um sonho. “Ficou maravilhoso, tenho que agradecer essa oportunidade, ficou perfeito. É um sonho realizado. Tem boa segurança, podemos sair pra trabalhar e os filhos ficam bem protegidos, foi tudo bem planejado. É um sonho que a gente busca há muitos anos”, comemorou.

A dona de casa Amanda Nascimento, que vai se mudar com seu esposo Vitor do Nascimento, disse que o sentimento é de felicidade e gratidão. "Estou me sentindo muito grata. Foi meu sonho desde a infância, sempre quis morar em apartamento. E hoje estou conseguindo realizar esse sonho, estou muito feliz”, disse.

Vitor endossou a fala e ainda destacou a qualidade da infraestrutura do residencial. “É uma beleza né. Agradeço por entrar nesse apartamento maravilhoso e conquistando nossa primeira casa. Achei bem feito, com as áreas bem distribuídas, vai dar pra criar o nosso filho”, ressaltou.

HABITAÇÃO EM IBIPORà– Além das unidades habitacionais recém-inauguradas, uma segunda etapa do Residencial Terra de Santa Cruz está em estágio avançado de obra, com previsão de entrega para setembro deste ano. Das 176 moradias ainda em construção, 135 contam com o benefício do programa Casa Fácil Paraná.

Em Ibiporã, também está em construção, dentro do mesmo modelo, o Residencial Capadócia, executado pela construtora Pride. São 128 apartamentos, dos quais 102 contam com subsídios de R$ 15 mil por unidade do Governo do Estado. Somadas as unidades entregues e em obras, o município recebeu o repasse de R$ 4 milhões do Tesouro do Estado.

Com um orçamento de R$ 450 milhões para todo o Paraná, a meta da gestão estadual é concluir o ano de 2022 com 30 mil famílias atendidas com subsídios habitacionais. Até o momento, cerca de 18,5 mil unidades já foram liberadas em parceria com a iniciativa privada, além de outras 3,2 mil em conjunto com os municípios.

PRESENÇAS – Participaram da solenidade os secretários estaduais do Desenvolvimento Urbano e de Obras Públicas, Augustinho Zucchi; e da Saúde, César Neves; a presidente da Associação Comercial e Industrial de Londrina, Márcia Manfrin; os deputados federais Sandro Alex e Luísa Canziani; os deputados estaduais Tiago Amaral, Cobra Repórter, Artagão Júnior, Tercílio Turini, Evandro Araújo e Boca Aberta Júnior; e prefeitos da região.

GALERIA DE IMAGENS